Boa noite!           Sábado 23/03/2019 05:14
06/08/2014 - Revista Panorama Hospitalar

Veículo: Revista Panorama Hospitalar
Data: 06/08/2014

Curso Internacional de Atualização em Terapia Intensiva

Promovido pela Sociedade Paulista de Terapia Intensiva, o curso será realizado entre 18 e 19 de outubro, em São Paulo (SP)

O Brasil é um país de grandes contrastes. Nas diferentes regiões, nas diferentes cidades, e até mesmo em bairros vizinhos é possível verificar UTIs de qualidade ao lado de outras com poucos investimentos. As grandes diferenças entre estes serviços e a importância da competência da equipe multidisciplinar para minimizar esta diversidade são alguns dos temas do 17º Curso Internacional de Atualização em Terapia Intensiva, promovido pela Sociedade Paulista de Terapia Intensiva (SOPATI) entre os dias 18 e 19 de outubro, no hotel Macksoud Plaza, em São Paulo. "O Brasil apresenta ilhas de excelência bem mescladas, podendo conter estruturas bastante diversas, mesmo em grandes regiões metropolitanas como São Paulo. As mais estruturadas são as que dispõem de mais recursos e possibilidades, independentemente de serem públicas ou privadas", afirma a dra. Juliana C. Ferreira, médica da UTI Respiratória do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, uma das coordenadoras do evento.

O evento também trará uma abordagem das principais síndromes relacionadas à pacientes adultos e pediátricos, com foco no diagnóstico e tratamento gerenciado pelo cuidado integrado e multidisciplinar do paciente grave, visando oferecer uma oportunidade de atualização para estudantes e profissionais já atuantes nas UTIs.

Os temas serão debatidos em salas multidisciplinares com mesas redondas, atividades e discussões direcionadas para todas as áreas que compõem a equipe de cuidado do paciente crítico. "Apesar de contarmos com um espaço específico para a multidisciplinaridade, queremos fazer com que todas as salas preconizem debates com profissionais de várias áreas, mostrando a necessidade de se discutir o tema em conjunto", explica a dra. Juliana. O objetivo é embasar programas que pensem nos profissionais como um todo, disseminando a visão do trabalho em equipe. A programação científica, outras informações e inscrições estão disponíveis em www.sopati.com.br.

As UTIs no Brasil

No Brasil, a equipe atuante nas UTIs tem se multiplicado pelas diversas áreas da saúde. Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos, psicólogos, assistentes sociais e até dentistas tem feito parte do quadro de profissionais que prestam serviço no setor. A multidisciplinaridade é um avanço que proporciona melhores condições de tratamento ao paciente. Um grande marco neste setor foi a instituição do programa de Residência Multiprofissional, presente em algumas universidades federais desde 2009.

Embora haja variação na formação entre as universidades, o modelo tem promovido programas governamentais com foco na capacitação dos profissionais da UTI e das outras áreas do hospital. "Para aumentar a qualidade das UTIs no país e homogeneizar as estruturas oferecidas é necessário a conscientização e a valorização da equipe multidisciplinar. O ponto de partida deve ser na formação desses profissionais." explica a dra. Juliana. Ela afirma que é necessário conscientizar as equipes e principalmente os profissionais em formação de sua valorização, promovendo essa cultura entre os gestores e estimulando a graduação, para ressaltar que em uma UTI deve-se trabalhar como um time.

XVII Curso Internacional de Atualização em Terapia Intensiva
Data: 18 e 19 de outubro de 2014
Local: Hotel Macksoud Plaza, em São Paulo
Endereço: Alameda Campinas, 150 - Bela Vista, São Paulo
Informações e inscrições: http://www.sopati.com.br/home.php 

Fonte: http://www.revistapanoramahospitalar.com.br/2014-08-curso-internacional-de-atualizacao-em-terapia-intensiva-14164